Logomarca

  • Facebook
  • Twitter
  • RSS
  • Agora é Lei Aplicativo

Análise dos Dados dos Atendimentos 1997


ANÁLISE DOS DADOS

 

Os atendimentos de 1997 tiveram um crescimento de 22,43% em relação aos atendimentos individuais do ano de 1996, 60.093 contra 49.081.

Se considerarmos que em 1996 foi concluído o atendimento de um Acordo Coletivo que beneficiou 35.863 consumidores, o total de atendimentos de 1996 foi de 84.944. Dessa forma, comparativamente aos atendimentos de 1997 (60.093), houve um decréscimo de 41,35% no número de pessoas atendidas.

Os 60.093 individuais estão assim distribuídos por forma de atendimento:
Atendimento pessoal 19.254 32,04%
Atendimento por telefone 39.427 65,61%
Atendimento por carta 1.412 2,35%
Total 60.093 100,00%

Destaca-se que os atendimentos telefônicos tiveram supremacia sobre as demais formas de atendimento, representando 65,61% do total do ano.

Considerou-se para efeito da análise que vira a seguir os atendimentos individuais tanto os realizados em 1996 (49.081), quanto os de 1997 (60.093).

Recomendar esta página via e-mail: